Smart Supermercados

Variedades

YouTube vai exibir anúncios na vertical em smartphones

Publicado

em

Novo formato de publicidade ocupará 75% de toda a tela do aparelho

O mundo sem vídeos na vertical tem mais um motivo para não existir mais: o YouTube passará a permitir que publicidade seja veiculada nesta orientação em sua plataforma. A novidade faz com que barras pretas sumam do conteúdo em vídeo e que ele preencha mais espaço no display do celular.

De acordo com uma publicação na página de suporte do Google Ads, mais de 70% de todo o público do YouTube assiste vídeos dentro do app para Android e iOS, mas a publicidade ainda não é otimizada para ocupar mais da vertical do que a horizontal das telas. O objetivo com a mudança é permitir que parceiros criem propagandas em vídeos no formato retangular, na vertical, ou então em forma quadrada – na proporção 1:1.

As peças que serão exibidas ocuparão 75% de toda a tela, deixando espaço apenas para os controles da reprodução e de engajamento – como os botões de like e deslike. Se o usuário tocá-la durante a reprodução, ela passará a ocupar todo o display, em um formato parecido com a publicidade que aparece durante os stories do Instagram e no Snapchat.

Recentemente o YouTube mudou algumas regras e passou a permitir que vídeos verticais ocupem o espaço correto nos computadores, eliminando a presença de barras pretas nas laterais. Um movimento que tampou o túmulo da guerra entre vídeos feitos na vertical e os que são produzidos na horizontal.

Outra novidade, que chegou em agosto deste ano, é que a plataforma de vídeos mais famosa do mundo passou a incluir mais vídeos de propaganda que não podem ser pulados.

Com informações: Google.

Ver tudo
Publicidade

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Variedades

Aniversariante em destaque de hoje é a querida Mirla Cristini!

Publicado

em

Por

Que nesse dia especial a alegria não seja passageira, que possa te seguir cada segundo e a cada dia de sua vida possibilitando experiências grandiosas e saberes inimagináveis, que Deus te abençoe e lhe conceda a graça da vida por muitos anos.

com Mirla Cristini!??

Ver tudo

Variedades

Saiba como fazer Pizza de Tapioca

Publicado

em

Por

A pizza de tapioca é a pizza saudável e deliciosa?? SIM!! Sua massa não tem glúten, nem ovos, nem leite e tem menos calorias. Veja essa opção de Pizza de tapioca margherita! ??

Ingredientes para a massa:

– 200g de tapioca;
– ½ colher de chá de orégano.
Ingredientes para o recheio:
– 160g de mussarela light ralada;
– 8 pedaços de tomate (cortado em meia-lua);
– ½ colher (chá) de orégano;
– 8 folhas de manjericão;
– 1/3 xícara de molho de tomate.

Modo de preparo da massa:

1. Junte a goma de tapioca e o orégano e misture em um recipente.
2. Pré-aqueça o tabuleiro em fogo baixo e passe a goma na peneira sobre o tabuleiro, até cobrir o tabuleiro.
3. Deixe a goma dar liga e vire de lado. Quando os dois lados estiverem unidos, significa que a massa está pronta. Reserve.
Montagem da pizza:
1. Coloque a massa da tapioca no tabuleiro e espalhe a mussarela ralada sobre a massa.
2. Acrescente o molho de tomate e espalhe, distribuindo, os pedaços de tomate.
3. Leve ao forno a 180ºC para derreter o queijo. Retire do forno, coloque as folhas de manjericão e o orégano.

Rendimento: 1 pizza.

Ver tudo

Variedades

Spotify aumenta limite de músicas baixadas para até 10 mil faixas

Publicado

em

Por

Até então, Spotify limitava os downloads a até 3.333 músicas por dispositivo; novo limite de 10 mil músicas já está valendo

Assinantes do Spotify Premium podem baixar músicas para ouvir offline, desde que não passem de 3.333 canções por dispositivo. Mas isso até um passado recente: na surdina, a empresa aumentou o limite de downloads para 10 mil faixas por dispositivo, para alívio de quem tinha que apagar algumas delas de tempos em tempos.

Provavelmente, 3.333 músicas é suficiente para a grande maioria das pessoas, mas, ainda que o Spotify não revele números, existe uma quantidade importante de usuários que ultrapassam esse limite, muitas vezes pelo hábito de baixar várias playlists seguidas. Consequentemente, queixas sobre o limite não eram incomuns.

O aumento de limite também é uma forma de aumentar a competitividade: um dos maiores rivais do Spotify atualmente, o Apple Music não tem restrição de downloads — o limite acaba sendo a capacidade de armazenamento do próprio dispositivo.

Também houve mudanças na quantidade de dispositivos que podem receber os downloads: antes eram três, agora são cinco, cada um deles podendo armazenar até 10 mil músicas. Somando todos, o limite é de 50 mil faixas baixadas, portanto.

A mudança já está em vigor.

Com informações: Rolling Stone.

Ver tudo

Mais acessados

Copyright © 2018 Agito Vip na Web. Todos os direitos reservados.